Siga o blog

A Cal (pode ser usada em alimentos)

Amigas, a pedido da minha amiga Albetiza, que visitou o blog e deixou seu recadinho, vim trazer esta materia hoje que vai ser util para todos nós. Vocês podem achar estranho mas é isso mesmo, na epoca dos nossos avós usavam bastante.


Com a Cal é que se faz aquele doce de abóbora em quadradinho que é crocante por fora e macio por dentro.
Pois, esse doce de abóbora é feito com cal, um pó branquinho usado em construção.
As antigas doceiras do interior ainda usam a cal virgem.
Ela está na massa que o pedreiro usa para construir paredes, nos muros, nos gramados de futebol, no tratamento de água para tirar a acidez no processo de decantação das impurezas e ainda pode ser usada na culinária.
Estamos falando da cal, produto derivado do calcário que já era conhecido pelos faraós no Egito. Era usado como liga para a construção das pirâmides.
Se você achou estranho a gente falar que a cal pode ser usada na cozinha , aqui vai uma dica: os povos antigos preparavam doces deliciosos com cal.
Além de deixar os doces crocantes, a cal pode ajudar o organismo a absorver 27% mais cálcio.É extraída das rochas de calcário, formações que cobrem 5% da crosta terrestre, em um processo que começa com grandes explosões.
A região sudoeste de São Paulo é rica nesse tipo de formação e é por isso que no estado ficam algumas das maiores indústrias de cal e de cimento do país.
Fornos com temperatura de 1,2 mil graus transformam o calcário em cal virgem.
É a primeira etapa do processo de produção.
As rochas cozidas vão em esteiras até os moinhos, onde são trituradas e recebem água para a hidratação.
O processo é feito para que não ocorra uma reação química na hora de usar o produto na construção civil.
Agora que você já sabe como é produzida a cal, vamos aprender uma receita de doce de abóboracom esse ingrediente especial.
A dica é do dono de restaurante Gilberto Toledo, que aprendeu o modo de preparo com sua avó.
O doce de abóbora cristalizado ou marmorizado apresenta uma fina camada de aspecto vítreo em sua superfície, o que torna sua aparência bastante atraente.
Acompanhe a receita e os fenômenos químicos que ocorrem na sua execução.
Reagentes e aparelhagens

Doce de abobora


- 15 colheres de café de cal virgem (óxido de cálcio) para uso culinário, portanto, de alta pureza
- 1 garrafa de vidro com 2 litros de capacidade
- 1,5 litro de água filtrada
- 0,5 kg de abóbora cortada em cubos de uns três centímetros de aresta
- 0,5 kg de açúcar
- 0,5 copo de água filtrada
- 1 vasilha grande de plástico
- 1 panela

Procedimentos

Comece preparando a água de cal.
Encha a garrafa de vidro com água e adicione a cal virgem, CaO(s), com muito cuidado, pois ocorrerá uma reação química de síntese com formação de cal hidratada ou extinta (hidróxido de cálcio), um fenômeno altamente exotérmico, ou seja, que ocorre com grande desprendimento de calor.
Para otimizar a reação, tampe a garrafa e agite várias vezes, virando-a de cabeça para baixo. Você irá obter um líquido esbranquiçado como leite.
Deixe em repouso até o dia seguinte para que a cal virgem não dissolvida se deposite no fundo.
A solução límpida que fica por cima é a chamada água de cal (solução de água e hidróxido de cálcio).
Para separar a água de cal do hidróxido de cálcio precipitado e da cal virgem não dissolvida, passe a solução em três filtros de papel (um dentro do outro), tomando cuidado para não sacudir a garrafa.
Coloque a água de cal em uma vasilha grande de plástico e mergulhe os pedaços de abóbora, deixando-os imersos nessa solução de um dia para o outro.
Retire os pedaços de abóbora, lave-os bem e ponha numa panela com o açúcar e a água. Cozinhe em fogo brando até a abóbora ficar tenra.
Retire do fogo e deixe esfriar em recipiente aberto.

O hidróxido de cálcio que ficou impregnado na abóbora irá reagir com o gás carbônico do ar atmosférico formando o carbonato de cálcio (substância presente no mármore) e liberando vapor de água.


Depois de fria observe a camada cristalina de carbonato de cálcio que se formou na superfície dos pedaços de abóbora e sirva-se.


Fonte da materia: http://www.brasileitalia.info/forum/topic.asp?TOPIC_ID=8189

Um comentário:

  1. é a 1ª vez que leio isto sobre o cal, obrigada pela partilha...
    JNihos fofos

    ResponderExcluir

Deixe aqui seu comentario, é simples e rapido!
faça uma blogueira feliz!
deixe seu link que retribuo ok